19/05/2022

Novidade Porto Editora | O Sonho Americano | Ivy Lin

IVY LIN É UMA LADRA E UMA MENTIROSA, MAS NINGUÉM O DIRIA.

Criada nos arredores de Boston, Ivy aprende com a avó a tirar partido do seu ar inocente para realizar pequenos furtos em vendas de garagem e lojas de artigos usados. E, para além de bem-sucedida na arte de viver de expedientes, consegue atrair a atenção de Gideon Speyer, o menino de ouro de uma família privilegiada. Quando a mãe de Ivy descobre, manda-a de volta para a China, para fortalecer os seus valores ancestrais.
Anos depois, já de regresso a Boston, Ivy dá de caras com Sylvia Speyer, a irmã de Gideon, e sente que o destino lhe está a oferecer uma segunda oportunidade. Aos poucos, Ivy consegue insinuar-se na vida de Gideon e do seu clã, passando a ser presença assídua em jantares chiques e em viagens de fim de semana à sua casa de férias na costa. Mas, quando está prestes a alcançar tudo aquilo que sempre desejara, surge um fantasma do passado, que ameaça a vida perfeita que ela tão arduamente conquistou.
Repleto de reviravoltas surpreendentes e explorando de forma original as questões de cultura e de classe, O sonho americano de Ivy Lin dá-nos a conhecer o lado sombrio de uma mulher que procura o sucesso a qualquer custo.


**********

CRÍTICAS DE IMPRENSA

O sonho americano de Ivy Lin tem tudo. [...] Oferecendo os prazeres de um romance literário (personagens complexos, uma escrita interessante), tem todas as atrações de um thriller psicológico: reviravoltas surpreendentes e um final imprevisível... [Um romance que] revela uma enorme capacidade de observação e uma imaginação poderosa.
STAR TRIBUNE

O sonho americano de Ivy Lin, de Susie Yang, é O talentoso Mr. Ripley para a era do Instagram.
BUSTLE

Um estudo de carácter divertido e bem engendrado, acerca de uma jovem mulher que leva longe de mais a sua obsessão pelos sinais exteriores de sucesso.
THE WASHINGTON POST

**********

Susie Yang nasceu na China, tendo emigrado para os EUA ainda em criança.
Após o seu doutoramento em Farmácia pela Universidade de Rutgers, lançou uma startup tecnológica em São Francisco, através da qual cerca de 20 mil pessoas se iniciaram na área da programação informática.
Estudou escrita criativa nas conceituadas Tin House e Sackett Street.
Já viveu nos EUA, na Europa e na Ásia, residindo atualmente em Seattle. O sonho americano de Ivy Lin é o seu primeiro livro.

Opinião | Inappropriate | Vi Keeland

Mais um romance stand-alone e muito sexy da best-seller nº 1 do New York Times, Vi Keeland.

Despedida por comportamento inadequado.
Eu não podia acreditar na carta que tinha nas mãos.
Nove anos. Por nove malditos anos eu trabalhei mais do que devia para uma das maiores empresas dos Estados Unidos, e fui demitida com uma carta tipo, quando voltei para casa depois de uma semana em Aruba.
Tudo por causa de um vídeo feito quando eu estava de férias com os meus amigos – um vídeo privado feito no meu tempo privado. Ou assim pensei…
Irritada, abri uma garrafa de vinho e escrevi minha própria carta para o CEO gazilionário, dizendo a ele o que eu achava da sua empresa e das suas práticas.
Eu não acheu que ele realmente responderia.
E, certamente nunca pensei que de repente me tornaria amiga de correspondência do idiota.
Eventualmente, ele percebeu que eu tinha sido injustiçada e garantiu o meu emprego de volta.
Só que... não era a única coisa que Grant Lexington queria fazer por mim.
Mas não havia como eu me envolver com o chefe do chefe do meu chefe. Mesmo que ele fosse ridiculamente lindo, confiante e charmoso.
Seria completamente errado, até mesmo inapropriado.
Mais ou menos como o vídeo que me colocou em apuros para começar.
Dois errados não fazem um certo.
Mas às vezes é duas vezes mais divertido.


    Verdade seja dita que, já li este livro há imenso tempo e, sinceramente, não sei como não escrevi a minha opinião assim que o acabei.
    Mas, aqui vai:
Depois de uma semana de férias em Aruba com um grupo de amigos, onde, com muitos copos à mistura, Ireland Saint James regressa a casa e depara-se com uma carta de despedimento por comportamentos inapropriados, derivados de um vídeo que ela publicou, justamente quando estava de férias. Sentindo-se injustiçada, Ireland passa por cima de toda a hierarquia profissional e envia um email muito directo e duro ao patrão principal, Grant Lexington. Tudo bem que ela detesta o seu chefe directo e nem nunca chegou a travar conhecimento com o Grant, mas isso não a impediu de mostrar o quanto estava indignada e magoada para com a empresa à qual dedicou nove anos da sua vida.
    Entre muitas peripécias, Ireland e Grant protagonizam um dos casais mais divertidos do enorme leque de personagens que Vi Keeland já nos apresentou e criou. São ambos muito inteligentes e não se proibem de algumas picardias mais mordazes. Ambos têm uma personalidade extremamente vincada, mas será Grant, à sua maneira que vai, aos poucos e poucos, avançando na vida de Ireland até ela não lhe conseguir resistir mais. Assim que recebe o email de Ireland, Grant quer conhecê-la e assim que o faz fica imediatamente encantado com ela. 
    O que dizer de Grant Lexington? Ora, ele é poderoso, controlador e extremamente sério. Nada para ele é levado de maneira leve. É um homem viciado no trabalho e está habituado a ter pessoas abaixo dele para cumprirem as suas ordens. Quem o conhece não consegue vislumbrar o passado de culpa que acarreta nos ombros e que o faz ser exactamente assim como é. 
    Em relação a Ireland, é uma mulher que cresceu sem família, e tudo o que tem a ela se deve, seja muito ou pouco. No entanto, consegue ser uma mulher divertida e extrovertida. Apesar de ser um espírito livre, é, também, muito responsável quando assim a vida o exige e, ter recebido uma carta de despedimento tão seca e tão formal, de uma maneira tão injusta e absurda, fez-lhe o sangue ferver nas veias fazendo com que ela agisse primeiro, antes de pensar bem no que ia fazer.

    Obviamente que qualquer que fosse a relação entre eles os dois seria sempre explosiva e intensa. Um controlador e uma mente livre, só poderia dar faísca!

       Já tenho lido muitos livros de Vi Keeland e este foi mais um que gostei bastante e que não me desiludiu. É uma história divertida, com passagens mais "calientes", mas também é uma história bastante emotiva, tendo em conta o passado que cada um carrega silenciosamente. 


Novidades Marcador | 2ª Quinzena Maio

 

Teorias em 30 Segundos adota uma abordagem revolucionária para nos ajudar a entender 50 das teorias científicas mais significativas. Desafia grandes especialistas científicos a abandonarem o jargão e a explicarem as teorias mais complexas em apenas 30 segundos - usando não mais do que duas páginas, cerca de 300 palavras e uma imagem. O tempo pode ser relativo, mas é precioso num mundo que parece girar cada vez mais depressa. Aqui, num único volume, o leitor tem a oportunidade de espreitar os fascinantes cérebros dos nossos cientistas mais destacados e de compreender os fatores mais determinantes do nosso harmonioso Universo, mais depressa do que alguma vez pôde imaginar.

**********

A reflexologia das mãos é uma maneira poderosa de cuidar de todo o corpo. É fácil de aplicar como rotina de cuidados quotidianos e constitui uma terapia benéfica que pode ser aplicada onde quer que esteja.

Com ilustrações modernas e divertidas e uma organização intuitiva, este guia acessível para a reflexologia das mãos apresenta uma forma simples e poderosa de cuidados a uma nova geração de pessoas que procuram o bem-estar.

**********

Esta abordagem contemporânea a uma prática ancestral torna o reiki acessível a uma nova geração de leitores.

Originalmente praticado pelos japoneses em inícios do século XX, esta via terapêutica holística obtém resultados impressionantes através da utilização do fluxo de energia subtil das palmas das mãos do «praticante» para influenciar o fluxo energético do «destinatário».

As fantásticas ilustrações, os conhecimentos especializados do professor e terapeuta Victor Archuleta e uma organização de fácil consulta permitem que os leitores coloquem rapidamente em prática esta ferramenta eficaz de bem-estar.

**********

Respeita e estima o Oráculo (e o teu eu superior) ao fazer uma pergunta ponderada todos os dias.

1. Inspira profundamente e conta até três, segurando o livro perto do teu coração.
2. Acalma a mente e concentra-te na pergunta. Visualiza-a ou di-la em voz alta.
3. Percorre as margens do livro com o dedo e, quando sentires o chamamento, para e abre-o nessa página. Isto é a resposta do teu eu superior à tua pergunta.
4. Confia no que leste e analisa como a resposta se relaciona com a pergunta e com a tua energia nesse momento.

Novidades Presença | 2ª Quinzena de Maio

Nasceste para SER tantas coisas!
O mais importante - seja qual for o teu caminho - é que tu sejas sempre… Tu!

Do mesmo autor de O Menino Que Colecionava Palavras, este livro é uma magnífica celebração da individualidade. Porque todas as crianças são diferentes e cada uma pode ser tudo o que quiser. A força do sonho e da imaginação juntam-se à magia da escrita e da ilustração de Peter H. Reynolds para que cada criança sonhe e imagine… sem limites.

Vive a melhor versão da tua vida!

**********

C. C. Tsai é um dos cartoonistas mais populares da Ásia, e as suas versões dos clássicos chineses já foram traduzidas em mais de vinte línguas e venderam acima de 40 milhões de exemplares.

Este volume apresenta a adaptação ilustrada de A Arte da Guerra de Sun Tzu, a melhor obra sobre guerra e estratégia de todos os tempos - um livro que continua a ser considerado um manual para o sucesso, não só por comandantes militares como por líderes políticos, empresariais e de muitas outras áreas.

Concebida há cerca de 2 500 anos por um filósofo-guerreiro, A Arte da Guerra continua a atrair os que aspiram a destacar-se e a ajudar a construir países de sucesso. Qual a melhor forma de alcançar esse objetivo e que papel terá a guerra no processo? Quais os poderes e respetivos limites de um general comandante? Como vencer sem entrar em guerra? As respostas de Sun Tzu a estas e a outras questões são-nos dadas através dos cartoons de C. C. Tsai, que nos mostram Sun Tzu em diferentes situações, seja a lutar em terrenos perigosos, a lançar um ataque-surpresa ou a espiar os seus inimigos.

Esta edição inclui ainda um prefácio de Lawrence Freedman, uma das maiores autoridades mundiais em estratégia militar, que nos esclarece como A Arte da Guerra tem influenciado o pensamento estratégico do Ocidente. Além disso, inclui o texto original em chinês, em barras laterais presentes em todas as páginas, o que enriquece o livro para leitores e estudantes de chinês, sem contudo os distrair das vinhetas. O texto foi habilmente traduzido do chinês por Brian Bruya, que apresenta igualmente uma introdução.

**********

Neste livro verdadeiramente inovador, Lucy Hutchings, autora do blogue She Grows Veg, prova que jardins deliciosos não têm de ser feitos apenas no espaço exterior. Já imaginou ter uma pequena horta, por exemplo, na sua varanda ou cozinha?

Uso inteligente do espaço e de recipientes, conhecimento sobre as melhores condições de cultivo e um sentido estético único: com tudo isto, Lucy mostra-nos como qualquer um de nós pode cultivar praticamente tudo no quintal, no pátio ou… na cozinha. A autora leva-nos, passo a passo, por 19 projetos, de paredes vegetais e estufas de interior a suportes de ervas suspensos. Todos têm, sem exceção, a mesma beleza e o potencial decorativo das habituais plantas ornamentais, com a vantagem de serem maravilhosos jardins comestíveis.

Siga as ilustrações passo a passo, entre as belíssimas fotografias, e passe de principiante a profissional em apenas algumas semanas.

Repita o mantra: tudo é possível para todos.

**********

Theo Byrne é um jovem cientista promissor que descobriu como procurar vida noutros planetas a dezenas de anos-luz. Viúvo,Theo é também pai de um menino de nove anos muito peculiar. Robin, o seu fi­lho, é divertido, amoroso e tem mil planos para concretizar. Tudo o que pensa e sente tem enorme profundidade, adora animais e passa horas in­finitas a fazer desenhos muito elaborados. Robin é também a criança que está prestes a ser expulsa da escola por ter agredido um amigo.

Que pode um pai fazer quando a única solução que lhe dão é medicar aquele menino tão raro quanto problemático? Como pode Theo explicar a Robin este mundo em que vivemos, um mundo que parece estar claramente a destruir-se a si próprio? O único caminho para este pai é levar o fi­lho para outros planetas, enquanto acarinha e encoraja a vontade enorme que ele tem de salvar o planeta Terra.

Como poderemos, todos e cada um de nós, dizer a verdade sobre este maravilhoso e ameaçado planeta aos nossos fi­lhos? No mais íntimo de cada um, ecoa a pergunta: porquê este mundo?

**********

Publicado pela primeira vez entre 1860 e 1862, Cadernos da Casa Morta reflete uma realidade dantesca, em que presos políticos, prisioneiros de guerra e presos de delito comum vivem lado a lado com homens que perpetraram crimes hediondos. É um mundo absolutamente à parte, com regras próprias, onde o quotidiano se reparte entre trabalhos forçados, castigos sádicos, miséria, mercado negro, álcool e pequenos expedientes de que os prisioneiros se servem, não só para sobreviverem, mas para alimentarem a ilusão de liberdade.

**********

UM LIVRO DE CULTO SOBRE FAMÍLIA, AMIZADE E PRIMEIRO AMOR.

Foi naquele verão, naquele dia, junto à piscina. O instante em que Aristóteles e Dante se conhecem vai mudar as suas vidas. Naquele momento, sentem que não têm nada - mesmo nada - em comum. Mas enquanto os dias de calor se sucedem, este dois espíritos solitários encontram-se e nasce uma amizade especial, das que mudam as nossas vidas e ficam para sempre.

Ari não tem jeito com as palavras e duvida bastante de si próprio. Dante é muito articulado e confiante. Ari perde-se em pensamentos sobre o irmão mais velho, que está preso. Dante adora poesia e arte.

Ari levantou um muro entre ele e o mundo - Dante é a pessoa que o vai, devagar, fazer cair. São cúmplices nos risos, sonham juntos, partilham livros. E descobrem-se um ao outro, a si próprios, enquanto usam a amizade e o amor para... desvendar os segredos do Universo.

**********

Durante três mil anos, destruir o saber foi um objetivo comum e deliberado de várias pessoas, regimes e grupos. Esta é a extraordinária história de sobrevivência da verdade - a que os livros registam, as bibliotecas preservam e nós temos hoje, mais do que nunca, de salvar.

As bibliotecas e os arquivos sofreram muitos ataques, desde a antiguidade, mas a era moderna tem sido ainda mais perniciosa para a sua sobrevivência. Hoje, o saber que guardam é alvo de tentativas de destruição brutais e de negligência intencional. Sem apoio estruturado ou investimento, lutam pela sobrevivência dia a dia. Queimar Livros conta-nos o que em três mil anos passámos e vivemos para chegar aqui.

Da antiga Alexandria à contemporânea Sarajevo, passando pelo Iraque, Richard Ovenden vai aos quatro cantos do mundo e relata vividamente momentos determinantes da nossa História. Analisando as motivações por detrás dos atos, deliberados ou involuntários, de destruição do saber - políticos, culturais e religiosos -, bem como as consequências e ligações a todas as áreas da nossa vida, o autor relata também os episódios vividos por quem tentou prevenir e minimizar os efeitos destes ataques aos livros (e não só), pondo muitas vezes a própria vida em risco.

Na era do imediatismo, em que todos têm opinião sobre tudo, a memória se esboroa e reina a desinformação, este livro é mais importante do que nunca. Lê-lo pode ser o primeiro passo para impedir que três mil anos de História desemboquem, no século XXI, na maior e mais terrível destruição do saber.

**********

HUBERT JOLY, ANTERIOR CEO DA BEST BUY,
QUE PEGOU NUMA EMPRESA COMPLETAMENTE EM BAIXO
E A TRANSFORMOU NUMA LÍDER DE MERCADO,
DESVENDA O SEU MÉTODO PARA CONSEGUIR RESULTADOS EXTRAORDINÁRIOS
PONDO AS PESSOAS NO CENTRO DO INVESTIMENTO.

As pessoas são absolutamente centrais num negócio. As empresas são organismos vivos feitos por elas, e não por máquinas ou processos inócuos e automáticos. Para as empresas crescerem, é preciso investir nas pessoas. Como? Todos devem ser ouvidos e envolvidos nos processos, para começar. Do mesmo modo, a integração num ambiente propício ao desenvolvimento de skills e à progressão de carreira é fundamental. A isto, acresce um princípio basilar: tratar o lucro como um resultado - e não como um objetivo per se.

O método de Hubert Joly é fácil de perceber mas, antes de o pôr em prática, o autor abre-nos a porta para a filosofia em que assenta. Para a assimilarmos, temos de reconsiderar a forma de olhar para o trabalho e a nossa definição de empresas; temos de parar e refletir sobre o modo de incentivar as pessoas e o nosso estilo de liderança.

Este é um livro essencial para repensar o paradigma do mundo do trabalho, feito de pessoas, por pessoas, para pessoas. É tempo de perspetivar a liderança com propósito e humanidade. O capitalismo pode e tem de ser reinventado, se queremos um futuro sustentável, equitativo e pleno de sucessos. É tempo de investir nas pessoas.

**********

A Senhora Mágica resolve levar todos os amigos à Terra… da Magia. Estás pronto para ir de viagem com eles? Vamos lá! Prepara-te para muitos encontros mágicos, surpresas e uma visita à bruxa malvada que, se calhar, tem motivos para estar arreliada…

Os Senhores e as Senhoras de Roger Hargreaves têm maravilhado pais e filhos ao longo de várias gerações, com as suas histórias tão simples quanto inesquecíveis e as suas ilustrações de cores fortes: são a companhia ideal para meninos e meninas, dos dois anos em diante. Já conhecem todos os Senhores e Senhoras da nossa coleção?

**********

A Senhora Curiosa encontrou uma pegada. Bem... é que é mesmo a maior pegada que alguma vez viu! Querem ver que… é de dinossauro? Embarca numa aventura tiranossáurica e descobre estes animais extraordinários com as Senhoras e Senhores.

Os Senhores e as Senhoras de Roger Hargreaves têm maravilhado pais e filhos ao longo de várias gerações, com as suas histórias tão simples quanto inesquecíveis e as suas ilustrações de cores fortes: são a companhia ideal para meninos e meninas, dos dois anos em diante. Já conhecem todos os Senhores e Senhoras da nossa coleção?

13/05/2022

Camilla Grebe | O Gelo Sob os Seus Pés | Grupo Editorial Penguin Random House | TopSeller

O Gelo Sob os Seus Pés, de Camilla Grebe (Ed. Topseller | 436 pp | 19,95€)
Primeiros capítulos disponíveis para leitura em: penguin.pt

***

A PREMIADA AUTORA SUECA MORA EM CASCAIS
Camilla Grebe é uma autora sueca bestseller mundial. Foi vencedora por duas ocasiões do prestigiado Glass Key Award para Melhor Policial Nórdico e vencedora do prémio Melhor Policial Sueco do Ano para a Academia Sueca de Escritores de Policiais.

O Gelo sob os Seus Pés, agora editado em Portugal pela Topseller, chancela do Grupo Penguin Random House Portugal, foi bestseller em vários países, e só na Suécia vendeu mais de 700 mil exemplares. Os direitos de tradução foram vendidos para 23 países e irá ser adaptado ao cinema, com a actriz Daisy Ridley (Star Wars) no papel principal.

A viver atualmente em Cascais, é presença confirmada na Comic Con Portugal.

***

«Impressionante… Um livro que coloca a autora entre os principais escritores nórdicos de policiais.» Kirkus Reviews

«Inquietante, ameaçador e de leitura compulsiva, é perfeito para fãs de Jo Nesbø.» 
Heat

***

Os inspectores Peter Lindgren e Manfred Olsson enfrentam um crime chocante: uma jovem mulher foi decapitada numa casa de classe alta nos subúrbios de Estocolmo. Um crime que se torna mais perturbador pela semelhança com um assassínio por resolver, dez anos antes. Só que, desta vez, a polícia tem um suspeito.

Jesper Orre é o carismático e controverso director executivo de uma famosa cadeia de lojas, e o dono da casa onde a mulher foi assassinada. Nada no seu per l, contudo, nem mesmo a fama de playboy, sugere que possa ter cometido um crime semelhante. Além de que ninguém sabe onde ele está.

Na busca por um motivo e pelo paradeiro do seu suspeito, os inspetores recorrem a Hanne Lagerlind-Schön, uma brilhante psicóloga comportamental presa a uma reforma e a um casamento infelizes. Mas eles não são os únicos que o procuram. Dois meses antes, Emma Bohman, uma funcionária de Jesper, envolveu-se numa relação secreta com o seu diretor. E tão depressa nasceu o caso amoroso entre ambos, como terminou, quando ele a deixou, sem qualquer explicação. E Emma, devastada e confusa, não descansará até o encontrar e obter respostas às suas perguntas.

Numa busca paralela pelo mesmo homem, Emma e a polícia estão destinados a cruzar caminhos até descobrirem o que realmente aconteceu.