29/05/2019

Novidade Porto Editora | Miguel Esteves Cardoso | No passado e no futuro estamos todos mortos

O novo livro de Miguel Esteves Cardoso
No passado e no futuro estamos todos mortos

No próximo dia 30 de Maio a Porto Editora publica No passado e no futuro estamos todos mortos, o novo livro de Miguel Esteves Cardoso.

É em homenagem contínua ao presente, à vida, que "não é a melhor coisa que temos: é a única", que este livro corre. Ao longo de mais de 200 crónicas, divididas por 11 capítulos, MEC escreve sobre os tempos, os amores, as irritações e os prazeres. Tudo o que faz parte da vida.

"Nem sequer temos de escolher. Podemos viver sem querer saber. A vida não se pode desperdiçar: é sempre uma fortuna temporária, uma miséria irrepetível, o único momento da eternidade que é nosso", escreve no prefácio a No passado e no futuro estamos todos mortos.
"Como é que a vida não é um milagre? Toda a vida de todos os seres vivos, sejam leveduras, papoilas, borboletas, leopardos, pessoas ou andorinhas. Sabemos como nascemos. Sabemos como morremos. Só nos resta viver."

Miguel Esteves Cardoso estará na Feira do Livro de Lisboa no dia 16 de Junho, a partir das 15:30, para uma sessão de autógrafos integrada na programação do Espaço do Grupo Porto Editora, Autores que nos unem.

No passado e no futuro estamos todos mortos 
"Pensar na morte é a melhor maneira de dar valor à vida. O tempo que perdemos a fazer coisas que não são prazeres nem nos ensinam nada é um terrível desperdício. O melhor, para dar valor à vida, é fingir e imaginar que se morre todos os dias. É fácil. Estarmos cá, vivos e conscientes, é uma estranha excepção, que vai a favor de todos os que morreram e nunca mais voltaram."

Sem comentários:

Publicar um comentário

O seu comentário é valioso!
Obrigada pela visita e volte sempre!