15/06/2016

Anime & Manga | Kill me Baby | Opinião

 

Kill me Baby, Baby please kill me,  conta a vida "normal" de Yasuna, okay não tão normal assim. Ela está no ensino básico com a sua melhor amiga, Sonya, que ao que parece é uma assassina, no entanto os seus treinamentos acabam quase sempre por se virarem contra ela, ou contra Yasuna.
Yasuna é uma rapariga irrequieta e que só quer abraços de Sonya logo pela amanha mas acaba sempre com uma a esgana-la ou a parti-lhe o pulso.

Eu comecei a ver este anime por causa de um marcador que a Verónica recebeu, e pensei hum vou ver só o primeiro episódio. A verdade é que não parei de rir ao inicio, diga-se que a voz de Yasuna também ajuda muito mas pronto.

Yasuna e Sonya são duas raparigas que andam na mesma turma da escola e são as melhores amigas, mas claro que são completamente diferentes uma da outra, Sonya é muito sossegada e supostamente uma verdadeira assassina, embora por vezes os seus truques acabem contra ela ou contra a amiga, está sempre calma e não liga muito ao que lhe rodeia, embora tenha sempre a Yasuna a beira a chatear-lhe o juizo. Já Yasuna quer saber de tudo e mais alguma coisa, menos de estudar, é um pouco "tapadinha" e inocente nas coisas que lhe rodeiam e acredita em tudo o que lhe dizem, e para variar nunca aprende as lições que Sonya tem para lhe dar logo de manhã *sobre os abraços*. Ah e quer sempre que Sonya ou Agiri lhe ensinem coisas, mas nunca as sabe fazer. E esta sempre a espera de apanhar Sonya em falso para se rir dela, no entanto tem sempre o karma atrás dela.
Agiri é uma aspirante a ninja que supostamente faz parte da organização assassina de Sonya, e é tão calma que chega a ser irritante, acho que esse é o objectivo, os seus truques não valem nada, apesar de ela achar que sim.




Todo o anime são cenas engraçadas entre elas e há até uma personagem que tenta roubar as cenas e ser protagonista e que depois desaparece do anime *estranho hein* Ah e Sonya tem um medos estranhos, não estranhos caso ela não fosse uma assassina.
Falando da banda sonora, porque é importante também, são completamente viciantes, estranhas mas viciantes. Mais para a ending que não a salto para o próximo episódio.

Tal como tinha dito anteriormente as vozes neste anime são excelentes para as três personagens principais, Sonya tem sempre um ar muito aborrecido e a voz dela é um tanto mais indiferente, como se não quisesse saber muito do que a rodeia (e de certa forma não quer), Yasuna por um lado é tão alegre e mais infantil mas a sua voz é genial, acho que foi um ponto importante para lhe dar vida. Agiri é tão irritante, tão lentaaaaaa, mas faz parte da personagem, tal como Sonya pensa levou-me a mim a pensar também "Lá vem esta agora" é que arrasta-se tanto mas cola bem na personagem ninja dela.

Não digo que seja um anime para ver seguido, mas volta e meia. Não tem nexo, nem precisa de ter, são apenas "aventuras" de três raparigas estranhas e completamente passadas, mas muito divertidas.
Fiquem com o fecho de cada episódio.



Sem comentários:

Publicar um comentário

O seu comentário é valioso!
Obrigada pela visita e volte sempre!