19/06/2014

«Francisco, o Argentino» chega a Portugal a 2 de Julho

«Francisco, o Argentino»: O papa como só os mais íntimos conhecem


Já todos o vimos na televisão. Já houve multidões a passar pela Praça de São Pedro a saudá-lo. Mas quem é que viu o Papa Francisco sentado no sofá de sua casa? Quem é que lhe emprestou livros? Quem é que já lhe espetou agulhas para o tratar? Quem é que partilhou um almoço ou um jantar com ele? Este é o livro que nos leva às casas onde o Papa Francisco conviveu com a família, com os amigos, com as pessoas com quem teve mais intimidade.

Uma experiência única: agora, com «Francisco, o Argentino» podemos partilhar os gestos mais simples, o dia-a-dia de amor e pobreza de um homem determinado a servir o próximo. Arnaud Bédat publica o livro que lhe conta a história deste homem visto pelos que lhe são mais próximos. Um livro que a Guerra e Paz faz chegar às livrarias a partir de 2 de Julho.

Jornalista independente, nascido na Suíça e sem convicções religiosas, Arnaud Bédat quis saber quem é verdadeiramente o Papa Francisco. Qual foi o seu caminho até chegar a Roma? Quem são os que fizeram parte da sua vida e continuam hoje, incondicionalmente, ao seu lado? Quem é este ser espiritual e político que denuncia o sofrimento e a injustiça, as máfias, o poder do dinheiro e as desigualdades sociais? Queria mesmo ser papa? Vai revolucionar a Igreja Católica? De que forma, e em concreto, irá o Papa Francisco mudar o rosto do Cristianismo?
Este não é um livro qualquer. Este é o livro que mostra Jorge Mario Bergoglio como é visto pelos que lhe são mais próximos. Família, amigos, paroquianos e outros padres seus amigos abrem o álbum de recordações e contribuem para o retrato inédito e surpreendente de uma das personalidades mais queridas e influentes do Mundo.


Sem comentários:

Publicar um comentário

O seu comentário é valioso!
Obrigada pela visita e volte sempre!