03/05/2017

Novidade Porto Editora | Em Direto | Robert Muchamore

Emoções ao rubro no terceiro volume da colecção Rock War Em Direto é o mais recente livro de Robert Muchamore, autor da série CHERUB

No dia 4 de Maio, a Porto Editora publica Em Direto, um novo livro de Robert Muchamore, autor de CHERUB, a série de livros sobre jovens espiões que cativa milhares de leitores portugueses. Depois da passagem pelas missões de espionagem, o autor britânico transporta agora a ação para os bastidores do mundo da música e de um programa televisivo que promete levar um grupo de jovens ao estrelato. Depois de passarem pela Academia, as bandas de Jay, Summer e Dylan lutam agora por um lugar na final de Rock War, o popular reality show que pode realizar os seus sonhos. Robert Muchamore tem sido considerado pela imprensa nacional como «o escritor infantojuvenil da actualidade» (Jornal de Notícias) e «o autor estrangeiro preferido dos jovens leitores portugueses» (Diário de Notícias). Até ao momento, em Portugal, já se venderam mais de 500 mil livros da sua autoria.
O programa televisivo Rock War é agora o mais visto em horário nobre e ainda vai a meio! Jay, Summer, Dylan e as respectivas bandas passaram pela famosa Academia e os seis finalistas vão agora lutar por um lugar na final, na véspera de Natal. Mas nem tudo é cantiga. Summer foi atropelada por uma mota no final da Academia. O irmão de Jay, Theo, só se mete em sarilhos. E Dylan, o eterno rebelde, descobre que o concurso talvez não seja tão sério assim… A parada está muito alta, por isso… escolhe a tua banda, sente o ritmo, vive a aventura. O terceiro livro – e também o mais dramático – desta espectacular nova colecção do autor bestseller de CHERUB.

PRIMEIRAS PÁGINAS 
Disponíveis aqui.

Robert Muchamore nasceu a 26 de dezembro de 1972, em Islington, Inglaterra. Trabalhou durante treze anos como detetive privado, mas abandonou a profissão para se dedicar à escrita a tempo inteiro. Costuma levar quatro a cinco meses a escrever um livro, sendo que dedica o primeiro à pesquisa e o segundo à planificação da história. Só depois escreve. Segundo o próprio, tentar escrever aquilo que gostaria de ter lido aos 13 anos de idade foi a principal razão para a criação da coleção CHERUB. 

Sem comentários:

Publicar um comentário

O seu comentário é valioso!
Obrigada pela visita e volte sempre!