16/09/2013

Escangalhar a cena 1x por semana #1

Ora cá vamos nós escangalhar a cena pela primeira vez, aqui no Sinfonia dos Livros. Preparados?!

Sabem aquelas cenas do dia a dia em que a nossa reacção é  ... (isso mesmo... vocês sabem do que eu estou a falar... sabem sim... não se façam de desentendidos.). 

No entanto, para quem não faz ideia de que situações estou a falar... check it out mais abaixo...

Tipo aquelas tipicas perguntas super, super inteligentes e que não nos dão vontadinha nenhuma de mandar alguém ir pastar, como por exemplo:

- Já chegaste?
- Não... mandei a minha sombra vir primeiro porque na verdade eu ainda estou a dois quilômetros daqui


Ou então chegas a um sitio todo molhado porque está a chover e alguém muuuito inteligente pergunta-te: 
- Está a chover?!
Ao que tu respondes:
- Não... apeteceu-me andar debaixo dos aspersores de água para ficar mais fresco em pleno Inverno.


Aposto que vocês, decerto que se deparam com muitas perguntas destas no vosso dia a dia. Agora eu pergunto-me:

- Vera, (sim, eu geralmente falo comigo própria), o que fazer face a essas situações?! 
Definitivamente... não faço ideia! 

Mas porque raio é que vem este assunto agora à baila?! (perguntam-me vocês agora). E perguntam muito bem... 

Usei aqueles exemplos para tentar fazer com que vocês percebam o meu ponto de vista. Isto porque quando alguém me faz este tipo de perguntas, eu simplesmente respondo como elas querem ser respondidas.

Tipo:

- Ainda estás acordada?
- Não, estou já a dormir, não vês?

Ora bem... em conversa com umas amigas minhas, veio à baila aquelas pessoas que se queixam que não têm tempo para nada e mesmo assim, conseguem arranjar tempo para se queixarem. Vocês leram bem...

Tenho uma conhecida que estava no curso de Direito e era uma excelente aluna. A meio do curso, lembrou-se que os pais eram ricos, ou como ela dizia "bem de vida" (yeah right...) e que podia levar uma vida ociosa e fazer apenas aquilo de que gostasse. Não importava se era paga ou não, uma vez que dinheiro não era problema.
  

Ora bem.. vai daí e a miúda resolve pedir aos papás que a banquem para abrir uma loja de manicure/pedicure (.. tudo o que vocês estão a pensar, acreditem.... it crossed my mind). Ora... o papá tem vários conhecimentos e em vez de lhe abrir a tal loja, arranja maneira da filha passar a ser tipo, uma menina de testes de uma empresa famosa de cosmética... (sim, sim... há gente que nasceu mesmo com o rabo virado para a lua) .. ou seja, a miúda usa e experimenta todos os cosméticos que essa empresa cria e vende, anda maquilhada tipo estrela de cinema, não gasta um tusto com vernizes, máscaras, bases, sombras, perfumes e afins e agora, uns meses depois, queixa-se que é giro e tal, mas que não ganha nenhum com isso... No momento, a minha expressão é tão e somente esta:
(a vossa não?)

Não respondo (não merece resposta) e lembro-me, imediatamente, de outras pessoas que pensam da mesma maneira. Tipo os bloggers (não são todos) sejam de blogs literários, de moda, de trivialidades, etc etc... quer-se dizer... têm os blogs porque querem (ninguém colocou uma arma à cabeça para criarem o blog), publicam quando e como querem, no caso do blogues literários e de moda recebem livros e produtos que de outro modo, dificilmente teriam possibilidade de comprar e ainda dizem que é divertido e tal, mas que não se ganha nada? Então e o reconhecimento dos seguidores? Não é esse o objectivo de quem faz algo público mas porque quer? Ser reconhecido pelos seus seguidores? Saber que o que fazem, escrevem e publicam de modo diário (ou não) é do agrado de quem os segue atenta e avidamente? Para mim, ter um blog ou mais (como é o meu caso) é saber que tenho, nem que sejam meia dúzia, pessoas que gostam do que eu publico e do que eu faço... 

Caros bloggers e Freelancers por opção e não por necessidade... fiquem contentes com o que têm e por saberem que o vosso "trabalho" é reconhecido... não façam o que vos dá prazer com o objectivo de se ganhar alguma coisa. Façam-no porque gostam e porque vos preenche. A vida é muito curta para fazermos o que gostamos com segundas intenções! É um consolo saber que o nosso trabalho, aquilo que fazemos porque gostamos é reconhecido.. Aproveitem esta sensação... :)

Essa é uma rubrica que vou tentar explorar uma vez por semana, conforme as minhas possibilidades... Possivelmente, à segunda feira.
Como podem ver ou perceber... é uma rubrica onde vou escangalhar as cenas à minha maneira.. seja de um modo sério e crítico, ou de um modo leve e divertido... nesse primeiro post não consegui ser apenas divertida, nem apenas séria... isso porque há cenas que precisam e devem ser escangalhadas como pés e cabeça e muuuito humor...

Espero que tenham gostado! Para a semana há mais... ou daí... talvez não..
Se houver algum assunto que queiram ver escangalhado não hesitem... mandem um email para sinfoniadoslivros@gmail.com... Escangalharei com muito prazer!!

Espero, ansiosa, pelos vossos comentários e reacções...


Au Revoir!

8 comentários:

  1. Adorei :-)

    Mas não vou comentar, ok?

    Bem talvez só um comentário, para mim quem tem um blogue, uma página, whatever deveria sempre fazê-lo porque, parafraseando-te, "Façam-no porque gostam e porque vos preenche" :-)

    Espero que escangalhes muitos mais assuntos durante muito tempo :-)

    E como sugestão? Que tal o regresso ás aulas ;-)

    Beijokas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A minha intenção é mesmo essa... Como não se pode agradar a gregos e a troianos, vamos agradando a quem consegue ler e analisar as coisas com imparcialidade ;) Enquanto houver pessoas a gostar, nem que sejam apenas meia dúzia.. por cá irei "escangalhando" ;)

      Olha que esta é uma boa sugestão.. a ver se lhe consigo dar a volta :D

      Beijinhos querida!!

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Ainda bem que não sou a única a pensar assim... ;)

      Beijinhos linda!

      Eliminar

O seu comentário é valioso!
Obrigada pela visita e volte sempre!